COVID-19: Estamos a fazer envios diariamente com normalidade

Federação Europeia reconhece benefícios do CBD para a dor neuropática

O uso da canábis para fins medicinais remonta ao início da humanidade, e em Portugal, desde 1563 que são reconhecidas as suas propriedades medicinais. Ao longo do tempo, os benefícios do seu uso têm vindo cada vez mais a ser comprovados cientificamente, com a existência crescente de empresas nesta indústria e a aplicação do cânhamo em diversas patologias.

A canábis é constituída por mais de uma centena de diferentes canabinóides, entre eles com as siglas THC e CBD, referindo-se a tetrahidrocanabinol e canabidiol respetivamente, sendo ambos os mais conhecidos e discutidos atualmente. O cânhamo é uma variedade legal, rica em CBD e com teor baixo de THC.

Desde a década de 60, que vários estudos científicos têm vindo a ser realizados em prol de isolar o THC e CBD por forma a que estas substâncias possam ser usadas para tratamentos médicos, havendo vários progressos ao longo dos anos nestas áreas, sendo possível hoje, por exemplo, a toma de óleo com CBD.

 

efic

 

Nos últimos anos foram comprovados, através de estudos cientifícos, os benefícios resultantes da utilização de canabinóides para o tratamento das seguintes patologias: 

  • Espasticidade associada à esclerose múltipla ou lesões na espinal medula;
  • Tratamento de náuseas e vômitos;
  • Estimulação do apetite, em especial em pacientes nos cuidados paliativos ou doentes oncológicos;
  • Dor crónica associado ao sistema nervoso, dor neuropática, ou lesões do nervo trigémio;
  • Síndrome de Gilles e Tourette;
  • Epilepsia e transtornos convulsivos, em especial em crianças;
  • Tratamento do Glaucoma. 

Existem também milhares de estudos para outras patologias e sintomas com boas evidências científicas dos benefícios dos canabinóides que, embora de amostragem reduzida, carecem de mais dados para serem comprovadas oficialmente no mundo científico.

Tendo em conta todos os estudos realizados e evidências científicas apresentadas até ao momento, a Federação Europeia da Dor (EFIC), reconheceu oficialmente os potenciais benefícios do uso de canabinóides no tratamento da dor neuropática, bem como em tratamentos oncológicos, quando a dor neuropática é predominante.

A dor neuropática é uma dor crónica ou prolongada que surge como resultado de uma lesão nervosa e afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Os canabinóides atuam sobre estas dores, pois apresentam propriedades anti-inflamatórias e analgésicas, que aliviam ou até curam esta patologia.

Os canabinóides podem de facto ser uma nova arma no tratamento da dor crónica, uma área onde muitas das vezes as terapêuticas disponíveis não aliviam satisfatoriamente os sintomas destas patologias. 

 

Fonte:

https://www.newsfarma.pt/artigos/9572-uma-nova-arma-no-tratamento-da-dor-cr%C3%B3nica.html?fbclid=IwAR1drdrjvu6AhlAs8aral7wd_5E77OqixvVtm-Q6l40lavpBYyqAfIc3zEE 

 Ver os nossos produtos

Deixe um comentário

Tenha em atenção que os comentários precisam de ser aprovados antes de serem exibidos